O look nosso de cada dia

14/11/2016 09h34 - Atualizado em 14/12/2016 12h20

Com que roupa ir ao trabalho?  Esta é uma questão que aflige muita gente diariamente, em frente ao espelho. Que atire a primeira pedra quem nunca passou por isso. A maneira de se apresentar pode, até mesmo, ajudar o profissional a subir degraus na empresa. Venha ver o que a consultoria Fernanda Cavenaghi preparou sobre o tema.

Quando escolhido corretamente, o traje usado para o ambiente profissional pode ser um grande aliado no sucesso da carreira. Entretanto, quando a escolha é feita sem pensar, o ato de se vestir pode ser um inimigo presente no seu cotidiano.

Como fazer?

Esta é a segunda questão que aflige a maioria pelas manhãs.

Primeiramente, é fundamental ter autoconhecimento e saber qual a melhor forma de se apresentar na sua profissão. É preciso calcular como projetar quem você é de acordo com o que seu trabalho exige.

O que é mais adequado? Uma imagem mais poderosa, mais acessível, mais comunicativa, mais eficiente ou mais amigável?

Pense na imagem corporativa. A ideia é combinar sua personalidade com o seu trabalho. Como o seu ofício espera que você se vista? É importante pensar em como conciliar o seu estilo pessoal com o estilo corporativo, ou seja, misturar quem você é com o que o seu trabalho pede.  

Além disso, é preciso pensar sobre qual efeito desejamos para cada situação. Por exemplo, como profissional, você precisa fazer negociações? Entre gerência e outros cargos? Conhecer outros funcionários? Ou precisa trabalhar em uma feira de negócios representando sua empresa?

É preciso se vestir de maneira diferente para cada uma dessas situações, pois precisamos comunicar mensagens diferentes.

Dessa forma, uma pessoa que trabalha no financeiro de uma empresa, assim como um advogado, deve passar uma mensagem mais séria, mais discreta e de controle pessoal.

Por outro lado, uma pessoa que trabalha no marketing deve passar mais dinamismo, o visual deve estimular psicologicamente as pessoas. Já quem trabalha em um ambiente informal pode passar mais casualidade.

Portanto, antes de se vestir para o trabalho, pergunte a si mesma qual é a imagem que você quer passar naquele determinado dia; com quais clientes você irá se encontrar/reunir; lembre-se se haverá reuniões importantes ou atendimentos mais casuais e pense se você precisará de conforto, elegância ou modernidade.

  • O que considerar ao escolher o look de trabalho? Personalidade, cultura do local em que trabalha, estilo de vida e propósito na situação.

 

Incremente

Quer deixar o look do trabalho menos sério e mais “descolado”, porém sem perder a elegância e o ar de profissionalismo? Anote estas dicas que valem ouro!

Terceira peça

O uso da chamada terceira peça, como um blazer, colete ou lenço pode fazer um verdadeiro milagre na sua produção, deixando-a muito mais moderna e criativa. Ela é peça fundamental em seu guarda-roupa, pois é capaz de fazer o seu visual muito mais interessante. Pode ser um blazer colorido combinado com um jeans escuro e uma “t-shirt cool”, em uma sexta-feira casual, por exemplo.

Cores

Entender o círculo cromático garante a produção de looks criativos e interessantes. Em resumo, as cores podem ser complementares (opostas ao círculo cromático) ou análogas (situadas lado a lado no círculo cromático).

Uma combinação perfeita para o ambiente de trabalho é o azul marinho com tons terrosos (o azul é a cor complementar do laranja). Essa combinação garante ousadia e criatividade ao look, sem perder a elegância que o ambiente de trabalho exige.

Maquiagem

Quando usada de forma adequada, ela é considerada uma ferramenta para melhorar a aparência, subir na carreira, influenciar decisões na empresa e até aumentar a probabilidade de conseguir um emprego.

Mais

Comece montar seu look sempre pela parte de baixo (calça ou saia – nada de comprimentos mini para o trabalho). É ela que guiará seu look. Depois, escolha a parte de cima. Em seguida, a terceira peça (sempre que puder). E, por fim, aposte nos acessórios.

Ah, e como sempre digo: seja você e divirta-se ao escolher seu look de cada dia. Não tenha medo de cometer erros. Errar faz parte do processo de aprendizado e autoconhecimento. Ao escolher o que vestir, erre, erre de novo, até que volte um sorriso seu para você mesma. Afinal, quando a autoestima é trabalhada, é possível garantir melhores resultados profissionais.